UM ESTUDO SOBRE O DESAFIO DO ENSINO DE ENGENHARIA FRENTE ASO PROBELMAS ECONÔMICOS, ENERGÉTICOS E A SUSTENTABILIDADE

Aline Fernanda Furtado

Resumo


O presente trabalho, foi desenvolvido e aprovado como trabalho de conclusão do curso de Pós Graduação em Docência do Ensino Superior, pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, trata da formação de engenheiros no Brasil tendo em vista os novos desafios do século XXI. Nos últimos vinte anos o progresso científico e tecnológico alcançou o Brasil e com o estreitamento das relações comerciais internacionais advindas da globalização, o setor industrial brasileiro precisou se modernizar para acompanhar o ritmo dos novos hábitos de consumo da população. Com a modernização, novas exigências passaram a ser impostas aos perfis dos profissionais das áreas técnicas e adjacências. Tais exigências acabaram refletindo nas instituições de ensino tecnológico de nível superior, responsáveis por suprir a demanda de profissionais capacitados, especialmente engenheiros de diversas especialidades, requerendo habilidades como iniciativa, criatividade, liderança, autonomia e capacidade de solucionar problemas. Com este trabalho foi possível investigar a situação atual do ensino de engenharia no Brasil, conhecer as opiniões e expectativas de estudantes e docentes e, discutir estratégias de ensino e a viabilidade de sua aplicação na sala de aula. Foi proposta também uma reflexão sobre o modelo curricular adotado pela maioria das instituições de ensino na área de engenharia pesquisadas, além de refletir sobre a capacitação do docente para formar o engenheiro que o mercado de trabalho busca.

Palavras-chave: Engenharia. Sustentabilidade. Mercado de trabalho. Estratégias de ensino.


Texto completo: PDF

Apontamentos