FORMAÇÃO INICIAL DO PROFESSOR DO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA ANÁLISE SOBRE O OLHAR DO GT8 DA ANPED NO PERÍODO ENTRE 2001 E 2011

Cristina Paixão Câmara

Resumo


A análise da formação inicial do professor de Ensino Fundamental sobre o olhar do GT8 (formação de professores) da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd) no período entre 2001 e 2011 é o objeto de estudo deste trabalho. Considerando que a formação docente vem ocupando lugar de destaque na literatura relacionada à educação, durante as últimas décadas, por ser um dos grandes desafios no campo educacional e suscitar várias problematizações, objetivou-se conhecer as demandas e problemas que perpassam o trabalho dos professores em início de carreira. A investigação foi realizada tendo como pressuposto a compreensão de formação como ato formativo que requer reflexão constante e coerência. Sobre essa perspectiva trabalhou-se a formação docente, especificamente a formação inicial, compreendendo esta como a graduação no ensino superior e entendendo-a como um processo, que envolve uma série de ações que visam um objetivo e ocorrem de forma contínua. Adota-se como metodologia a abordagem qualitativa, desenvolvida em dois momentos: o primeiro através de uma revisão de literatura e pesquisa bibliográfica, o segundo trata da parte empírica da pesquisa, no qual se utiliza como fundamentação a análise de conteúdo proposta por Bardin (2000). Durante a análise dos trabalhos buscou-se o diálogo entre a teoria e a empiria, através da observação do referencial teórico que fundamenta a pesquisa.

Palavras-chave: Formação Docente. Formação Inicial. Professores Iniciantes.


Texto completo: PDF

Apontamentos