A RELAÇÃO ENTRE AS CONCEPÇÕES DOS PROFESSORES SOBRE A AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM E A SUA PRÁTICA

Thalita Haber Faleiros, Maria Alzira de Almeida Pimenta

Resumo


A temática escolhida como ponto de partida da pesquisa advém da perspectiva de que os sistemas de avaliação, bem como seus métodos e práticas, têm merecido atenção por parte dos pesquisadores, uma vez que denunciam “a
extensão dos desníveis e dos desequilíbrios que se instalam no ensino brasileiro” (SOUSA, 1993, p. 13). Índices como SAEB (Sistema de Avaliação da Educação Básica) e PISA (Programa Internacional de Avaliação de Alunos) atestam que há
ainda muito a se avançar para a que prática do ensino corresponda à efetiva aprendizagem.
Esses resultados fazem com que seja pertinente pesquisar-se sobre o que ocorre em sala de aula, naquilo que diz respeito à avaliação. A partir disso, surgiu a questão/problema: como as concepções dos professores sobre a avaliação influenciam sua prática avaliativa? O que se intenta buscar é a relação que se
estabelece entre o que os professores pensam sobre a avaliação, que importância atribuem a ela, de que maneira ela está ligada ao processo de ensino-aprendizagem dos alunos, com aquilo que, de fato, é realizado em sua prática educativa, quais tipos de avaliação são adotados, como é feita.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.