O PROFESSOR DO CURSO DE ODONTOLOGIA: SUA FORMAÇÃO E OS DESAFIOS FRENTE ÀS EXIGÊNCIAS ATUAIS.

Lila Louise Moreira Martins Franco, Érika Fernandes Soares, Leandro Brambilla Martorell, Vânia Cristina Marcelo

Resumo


Este estudo parte da análise de que o professor do curso de odontologia vem-se constituindo como tal a partir das reformas nas áreas da educação e saúde, além de suas experiências formativas vivenciadas em sua trajetória de vida. Propõe-se relacionar a formação (cursos de pós-graduação e/ou trajetória de vida) do professor de odontologia com a legislação da saúde e da educação. Foram analisados, na literatura, fatos históricos em relação à formação do professor de ensino superior e, consequentemente, do professor de odontologia bem como os desafios dessa formação frente às exigências atuais. Percebeu-se pouca ênfase no dever do professor de cumprir a legislação, na necessidade de ampliar os espaços de formação para além dos programas de pós-graduação e em provocar nesses docentes a corresponsabilização pela vivência dos processos formativos. Em contrapartida, percebeu-se grande destaque à falta de preparo do professor para o domínio das concepções pedagógicas e de novas tecnologias, como a educação à distância, falta de contextualização de suas práticas com a realidade social do país. Esse estudo é um caminho percorrido no enfrentamento dos desafios que a formação põe ao professor no que tange às exigências atuais, inclusive em seu processo formativo como docente de ensino superior.


Palavras-chave: Professor de odontologia. Formação. Legislação. Saúde. Educação


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.31496/rpd.v9i20.235

Apontamentos

  • Não há apontamentos.