PROFESSOR POR ACASO? A docência nos Institutos Federais

Rosilene de Souza Oliveira, Márcea Andrade Sales, Ana Lúcia Gomes da Silva

Resumo


A formação docente é um dos objetos de pesquisa que vem mobilizando pesquisas em Educação, sendo ampliada e aprofundada desde a edição da LDB 9394/96. Na modalidade educativa da Educação Profissional, esta discussão ainda é embrionária, frente às demandas educativas dos Institutos Federais distribuídos por todo País. Assim, nesse artigo, fruto do resultado de pesquisa realizada em Programa stricto sensu, problematiza-se a formação docente no exercício da profissão, na Educação Profissional - formação de professores não licenciados que assumem atividades de ensino nessas Instituições de Educação. Discutimos, então, a docência, tendo como sujeitos professores não licenciados que aí atuam, apontando lacunas ainda enfrentadas pelos professores de modo a contribuir para uma política institucional, voltada á formação em exercício, desses profissionais.

Referências


AMARAM, J. C.S.R; GAELZER, V. (Org). A formação de professores no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul: diálogos sobre educação e ensino. Bento Gonçalves: IFRS, Campus Bento Gonçalves, 2011.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, DF, 1996.

______. Lei nº. 11.892/ 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Seção 1, p. 1, 30/12/2008.

_____. Resolução CNE/CEB nº 06, de 20 de setembro de 2012. Define as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio. Brasília, DF, 2012.

______. Relatório de Auditoria - Acórdão nº 506/2013/TCU. Brasília, DF, 2013.

CARDOSO, A. A. Professores por acaso, ex-alunos por sorte! O processo de constituição da docência na Educação Profissional. In: FARIA, I. M. S. de. (Org.). Didática e a prática de ensino na relação com a formação de professores. E-book. (recurso digital) Fortaleza: CE: EdUECE, 2015. (Coleção Práticas Educativas). Disponível em:. Acesso em 05 julho, 2017.

FIRMINO, C. A. B. A pesquisa em educação nos Institutos Federais: um espaço para inovação? COLÓQUIO INTERNACIONAL DE GESTÃO UNIVERSITÁRIA, XIV, 2012. Anais... Florianópolis, CIJU, 2012.

GATTI, B. A. Atratividade da Carreira Docente no Brasil. Estudos & Pesquisas Educacionais, n.1, maio 2010. Fundação Victor Civita. São Paulo. Disponível em: http://www.fvc.org.br/pdf/artigo-atratividade-carreira.pdf Acesso em: 15.05.2016.

______ & BARRETO, E. S. de S. Professores do Brasil: impasses e desafios. Brasília: UNESCO 2009.

HUBERMAN, M. O ciclo de vida profissional dos professores. In: NÓVOA, A. (Org.). Vidas de professores. 2. ed. Porto: Porto, 2000. p.31-61

IMBERNÓN, F. Formação docente e profissional: forma-se para a mudança e a incerteza. 9. ed. São Paulo: Cortez, 2011. (Coleção, Questões da nossa época, v. 14).

.LARROSA, J. Notas sobre a experiência e o saber de experiência. Revista Brasileira de Educação, n. 19, jan./fev./mar./abr. 2002a.

______. Literatura, experiência e formação: uma entrevista de Jorge Larrosa. In: COSTA M. V. (Org). Caminhos investigativos: novos olhares na pesquisa em educação. 2. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2002b.

MACEDO, R. S. Pesquisar a experiência: compreender, mediar saberes experienciais Curitiba: CRV, 2015.

MACHADO, L. R. de S. Diferenciais inovadores na formação de professores para a educação profissional. In: Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, v. 1, n. 1, p. 08-22, jun. 2008.

MELLO, G. N. de. Educação escolar brasileira: o que trouxemos do século XXI?. Porto Alegre: Artmed, 2004.

MENEZES, G. N. D.; RIOS, J. A. V. P. Política de formação docente na Educação Profissional Técnica. In: RIOS, J. A. V. P. Políticas, práticas e formação na Educação Básica. Salvador: EDUFBA, 2015.

MOURA, D. H. A formação de docentes para a Educação Profissional e Tecnológica. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, v. 1, n. 1, p. 23-38, 8, jun. 2008.

NUNES, C. M. F. Saberes docentes e formação de professores: um breve panorama da pesquisa brasileira. In: Educação e Sociedade - Dossiê: Os saberes dos docentes e sua formação. Campinas, SP: Cedes, nº 74, Ano XXII, p. 27-42, 2001.

OLIVEIRA, R. S e SALES, M. A. O. Professor leigo: releituras sobre os saberes profissionais na Educação Profissional e Tecnológica. In: COLÓQUIO DOCÊNCIA E DIVERSIDADE NA EDUCAÇÃO BÁSICA: POLÍTICAS PRÁTICAS E FORMAÇÃO, II, 2015. Anais... Salvador: EDUNEB, v. 1. p. 187-200, 2015a

______. A Formação Docente na Educação Profissional e Tecnológica: Provocações e Dilemas. CONGRESSO NACIONAL DE EDUCAÇÃO – EDUCERE, XII, 2015, Anais... Curitiba, v. 1. p. 10159-10177, 2015.

OLIVEIRA, R. S. Ser Professor na Educação Profissional e Tecnológica: fazeres e saberes docentes no IF SERTÃO-PE. Dissertação (Mestrado) - Universidade do Estado da Bahia. Programa de Pós-graduação em Educação e Diversidade, Salvador, 2016.

PEREIRA, M. V. Estética da professoralidade: um estudo crítico sobre a formação do professor. Santa Maria: EdUFSM, 2013.

PIMENTA, S. G.; ANASTASIOU, L. G. C. Docência no Ensino Superior. 4 ed. São Paulo: Cortez, 2010.

______. (Org.). Saberes pedagógicos e atividade docente. 3.ed. São Paulo: Cortez, 2002.

______. Formação de professores: identidade e saberes da docência. In: PIMENTA, S. G. (Org.). Saberes pedagógicos e atividade docente. 8 ed. São Paulo: Cortez, 2012. p.15-34.

SOUZA, F. das C.S.S; NASCIMENTO, V. S. de O. Bacharéis professores: um perfil docente em expansão na Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica. In: MOURA, D. H. (Org). Produção de conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2013. p. 409-433.

SOUZA, I. M. Formação docente no Ifbaiano Itapetinga: demandas coletivas, permanência e êxito estudantil. 2016. 125f. Dissertação (Mestrado Profissional em Educação e Diversidade) – Universidade do Estado da Bahia, Jacobina, 2016. Disponível em:< www.mped.uneb.br>. Acesso em: 03 mar. 2015.

TARDIF, Maurice e LESSARD, Claude. O trabalho docente: elementos para uma teoria da docência como profissão de interações humanas. Petrópolis: Vozes, 2012.

_______. Saberes docentes e formação profissional.Petrópolis: Vozes, 2002.

PENA, G. A. de C. Formação docente e aprendizagem da docência: um olhar sobre a educação profissional. In: Educação em Perspectiva, Viçosa, v. 2, n. 1, p. 98-118, jan./jun. 2011 Disponível em . Acesso em 02.02.2015.


Texto completo: PDF

Apontamentos